::    ::    Home Vivos! a História  | FALE com o Vivos! | Mapa do Site    


       
     
 
 
   ::  Andando no Espírito
   ::  Adorar
   ::  Adorar, porquê?
   ::  Adoração, é tempo...
   ::  Adoração Profética
   ::  Adoração um estilo de vida
   :: 
Adoração Verdadeira
   ::  Adoração Viva
   ::  Adoradores injustiçados!
   ::  Adorando a Deus 
   ::  Agentes de reconciliação
   ::  Alegrai-vos no Eterno
   ::  Alegrai-vos no Senhor
   ::  Amar a Deus, o que é?
   ::  Ame ao seu próximo!
   :: 
Ânimo Servo!
   ::  
Anjo da Guarda, Existe ?
   ::  Ansiedade & Preocupação
   ::  Aprendendo ser servo!
   ::  Arrependimento e avivamento
   ::  Avivamento sua responsabilidade
   ::  Bateristas, ouçam!
   ::  Bênção de Deus
   ::  
Bênção & Maldição I
   :: 
Bênção & Maldição II
   ::  
Carta aos Eleitos
   :: 
Casamento Abençoado
   ::  Casamento, Criado por Deus
   ::  Casamento: Instituição divina
   ::  Casamento e a Bíblia
   :: 
Casamento Misto
   ::  Casamento Sólido
   ::  Casamento: 3 bases principais
   :: 
Céu, um Paraíso!
   ::  
Chamados e Capacitados
   ::  Chamados para adorar
   ::  Chamados para servir
   ::  Como conhecer a Deus?
   ::  Comportamento do Crente
   ::  Compositores, ouçam!
   ::  Conflito Matrimoniais: A solução!
   ::  Crentes de bem com o mundo
   ::  Crentes ou discípulos?
   ::  Deus, presença real
   ::  Dirigentes de louvor, ouçam!
   ::  Dons Espirituais, exercite!
   ::  
Dons Hoje: Línguas 
   ::  Ensaios, reflexo de bênçãos!
   ::  Equipes de louvor, ouçam!
   ::  Escolhidos do Senhor
   ::  Esta foi a sua vida - Quadrinhos
   ::  Eternamente protegidos!
   ::  Eu te quero Deus!
   ::  Expressões de Adoração
   ::  
Fé uma condição de vida!
   ::  Filhos de Pastores, ouçam!
   ::  Filhos: o que a Bíblia ensina?
   :: 
Fofoca, Calúnia, Dif. e Mentira
   ::  Guiados pelo Espírito Santo
   :: 
Histórias Bíblica para Crianças
   ::  Homens Renovados!
   ::  Humildade, uma qualidade!
   ::  Idolatria Gospel!
   ::  Igreja Vitoriosa
   ::  
Imagens as Possuímos ?
   ::  Instrumentistas, ouçam!
   ::  Integridade, uma qualidade!
   ::  
Jejum é Bíblico !
   ::  Jesus, o filho de Deus
   ::  Jesus Cristo, Amigo e Sacerdote
   ::  Lar Cristão
   ::  Língua, o mal uso
   ::  Louvando com ordem
   ::  Louvando do lado errado
   ::  Louvor e Adoração
   ::  Louvor e Adoração - Definição
   ::  Mãe, a arte de ser
   ::  Mágoa, Cárcere da Alma
   ::  Marcas de Cristo
   ::  Ministrando Louvores
   ::  Missões - O marketing do apelo
   ::  Música, o Oscar vai para...
   ::  Música belas e a hipocrisia
   ::  Musicalidade, indispensável?
   ::  Músicos são discipuladores!
   ::  
O Dom do Espírito  Santo
   :: 
O Joio na Igreja
   ::  Orai sem cessar
   ::  Oração: Comunhão com Deus
   ::  
Oração: Falar com Deus
   ::  Orgulho é igual a queda
   ::  Pai, a arte de ser
   ::  Pastores infiéis: Aí de vós...
   ::  
Paulo, Exemplo de Fé
   ::  Perdoar para ser perdoado!
   ::  Poder para testemunhar
   :: 
Política - Participar ?
   ::  Posicionamento no Reino de Deus
   ::  Prosperidade, para todos?
   ::  Radicais ou Racionais?
   :: 
Retroceder na Fé, Jamais!
   ::  Reverência na adoração
   ::  Robôs na adoração
   ::  Sacerdócio no Lar
   ::  Seguindo a Verdade
   ::  Servo ou Religioso?
   :: 
Sexo, uma bênção!
   ::  Simplicidade no culto a Deus
   :: 
Socorro nas Tribulações
   ::  Submisso às Autoridades
   ::  Tempo de Colheita
   ::  TESTEMUNHO: Elias R. Oliveira
   ::  Trazendo a arca
   ::  
Últimos Dias na terra
   ::  
Uma Nova Vida
   ::  Unidade Familiar
   ::  
Vamos à Casa do Senhor
   ::  
Vencendo as Tentações
   ::  Venha para a Luz
   ::  Vida de Servo de Deus
   ::  
Vivendo com Cristo

  ::  Zelo, uma qualidade!
 
 
 

 

 

A manifesta presença de Deus


“Existe um lugar em Teu coração, ó Deus, que ansiamos encontrar, um lugar onde podemos nos esconder e encontrar a Tua verdade. Ó Pai, nos mostre, e nos leve a este lugar."  Amém!

A grande necessidade da igreja hoje é a de descobrir, ver, reconhecer e viver em meio a glória inefável de Deus. Uma nova medida de intimidade com Deus é o que precisamos para que os nossos corações sejam completamente capturados e envoltos por Sua constante glória, porém, é necessário que hajam líderes, exemplos, condutores para que possam haver seguidores. Paulo não apenas ensinou o caminho mas trilhou o mesmo, conduzindo gerações e gerações de seguidores. Ele mesmo disse: “Sejam meus imitadores como eu imito a Cristo”.

O mundo não quer religião, e deseja muito menos que alguém lhe diga o que fazer ou deixar de fazer. Não devemos usar palavras persuasivas, e sim a demonstração do poder de Deus. Só o poder de Deus e a atuação constante do Espírito Santo nas vidas dos membros de uma igreja é que irá convencer o mundo de seu pecado levando-o aos pés de Jesus. Hoje em dia existem tantas denominações diferentes, divisões, vexames, erros escandalosos, heresias e amarguras em meio ao chamado “corpo de Cristo”. Há algum tempo estive na Itália e um pastor - líder de uma denominação pentecostal o qual acredita que o avivamento começará em sua igreja - virou para mim e disse: - “Eu sei que isto tudo que tem acontecido nos cultos é e provém de Deus, mas eu não aceito e não quero isto para mim e muito menos para os meus”. Incoerente, porém interessante, não? Alguma coisa está errada em algum lugar. Temos que descobrir o erro e levá-lo ao pé da cruz.

Uma pergunta importante que temos que fazer é a seguinte: “Como podemos nos diferenciar das demais seitas, religiões e credos perante os olhos do mundo? O que diferencia os nossos cultos de qualquer outra reunião social?“ É a presença manifesta de Deus! Aquele que tiver a água da vida para oferecer irá saciar os sedentos. Gostaria de dificultar a questão mas a realidade crua é que só a presença manifesta de Deus irá fazer a diferença. Como conseguir que este poder venha operar em nosso meio? Através da entronização de Deus sobre os nossos louvores e Sua habitação em nosso meio. Isto conseguimos através da verdadeira adoração, do rendimento total, da entrega pessoal e da liberdade total, e sem restrições, dada ao Espírito de Deus para que Ele seja o Senhor Supremo em nossas vidas como em nossos cultos. A nossa oração tem que ser: “Deus, seja DEUS em nosso meio! Eu quero mais de Ti e muito menos de mim!”. Não podemos dar aquilo que não temos. A presença manifesta de Deus é a marca e o sinal distinto que nos diferencia do demais credos. Uma vez que os pecadores notam isto, correm atrás da realidade que todos almejam, a qual é conhecer e servir a um Deus vivo, que transforma, que opera milagres e que ainda revela o Seu amor, a Sua alegria, a paz, o fogo e a glória a quem realmente quiser. O Espírito Santo tem uma tarefa e tanto a realizar hoje; um quanto difícil. Ele está incumbido de preparar a noiva de Cristo. Baseando-me no que tenho visto em muitos lugares ao redor do mundo, e do Brasil. Contudo, eu garanto uma coisa, a noiva, quando pronta, não será uma noiva rabugenta, triste, destituída de força e poder, adúltera, que vive uma vida de amargura apenas se agüentando da melhor maneira possível até o seu príncipe chegue. Não! Não! Não! A mesma será uma noiva vibrante, maravilhosa, deslumbrante, linda, sorridente, alegre, poderosa, V-I-V-A..., o que me faz lembrar da minha esposa, ó Papai que presente..., uau..., contudo, continuemos...

Muitos têm desejado posições sem ter caráter, poder sem ter autoridade, e a presença de Deus sem pagar o preço. Porém uma posição no reino de Deus só é possível uma vez que assumimos o caráter de Deus em nós mesmos. O poder de sermos testemunhas com manifestações de sinais e prodígios só é alcançado a medida que nós nos rendemos à autoridade do Espírito Santo (Zac. 4: 6). Só se consegue a presença de Deus uma vez que pagamos o preço de termos um coração puro e mãos limpas. Tudo que desejamos está em Deus. Como poderemos ensinar alguém o que não temos aprendido? Como poderemos guia-los onde não temos ido? O mistério do reino é, segundo a epístola de Paulo aos irmãos em Colossos, “Cristo em mim - em nós - a esperança da glória” - (Col. 1: 27). O mundo jamais notará que estivemos com Jesus se de fato não tivermos tido com Ele. Entretanto, ninguém terá de perguntá-lo: “Onde você estava?”, tendo estado com Ele, com o grande Eu sou, pois a diferença será evidente. Qual foi a diferença, notada pelos filhos de Israel, na pessoa de Moisés, uma vez que ele desceu do monte Sinai, após estar com Deus? O seu rosto brilhava. Sabemos aonde temos que ir contudo o nosso problema, infelizmente, é chegar lá! A pureza de coração não é uma situação onde fazemos ou deixamos de fazer, e sim um clamor contínuo, e um anseio melindroso, que requer uma atitude constante de querer ser agradável aos olhos de Deus! Tudo o que eu faço, digo, sou tem que expor a pureza divina que há em mim. Antes de ser proferido pelos lábios tem que gerar raízes no coração.

Deus quer que tenhamos a eternidade em nossos corações. Viver não apenas pelo hoje e sim pela eternidade evitando assim a “crise de santidade” – santo, dia sim, dia não. Tenho sentido recentemente a necessidade de compartilhar isto com os sedentos pela verdade, pois a verdade nos liberta, não é mesmo? A medida que viajo ao redor do Brasil, e do mundo, tenho visto, e sentido, que muitos não entendem a respeito desta pequena palavra intrigante, e ao mesmo tempo de potência explosiva: Adoração.

Caro leitor, estaremos usando este espaço a cada mês para esclarecer um pouco mais – segundo a capacitação do Amado de nossas almas – para esclarecer um pouco quanto a verdadeira adoração. Deus Pai está à procura de verdadeiros adoradores. E ai, vamos realizar os Seus sonhos?

Aproveite toda e qualquer oportunidade que você tiver de se perder na presença de Deus. O homem falha, Deus, nunca falha!


Aos seus pés



David M. Quinlan
www fogoegloria.com.br

 


 
       
         
     

 
     
  Busca Vivos!
Pesquise dentro do site Vivos!
 
 
       
         
       
       
       
       

  Brasil Espírito Santo   "Os vivos, somente os vivos, esses Te louvam como hoje eu o faço"  Is 38.19  

     
     

Translate / Traducir