::    ::    Home Vivos! a História  | FALE com o Vivos! | Mapa do Site    


       
     
 
 
   ::  A Fé Cristã !
   ::  A Jornada 40 anos
   ::  
A Lei - Torah
   ::  Adolescentes de Deus
   ::  Adorar
   ::  Adorar em Espírito e Verdade
   ::  
Adoração
   ::  
Adoração a Deus
   ::  
Amor Fraternal
   ::  
Andando Com Deus
   ::  
Andando No Espírito Santo
   ::  Angeolologia
   ::  
Anjos, a doutrina
   ::  Anjos, Existe?
   ::  
Anjos, Querubins e Serafins
   ::  Antropologia
   ::  
As Dez Pragas
   ::  Batismo
   :: 
Casamentos nos dias bíblicos 
   ::  Casamentos nos dias bíblicos II
   ::  Catecismo Católico: É Bíblico?
   ::  Catolicismo: O Catecismo
   ::  Catolicismo: Origem da Igreja
   ::  Catolicismo: Sua heresias
   ::  
Céu, Inferno! Purgatório?
   ::  Como preparar mensagens
   ::  Crente e o Mundo
   ::  Criação / Criacionismo
   ::  Decálogo - Os 10 mandamentos
   ::  Demônios & Possessões
   ::  
Demônios, quem são ?
   ::  
Deveres dos Pais
   ::  Diáconos & Presbíteros
   ::  
Dízimo é Bíblico ?
   ::  Dízimos e Ofertas
   ::  Dízimos: Provai-me  nisto!
   ::  Domínio da Língua
   ::  Dom de Discernimento
   ::  Dons do Espírito Santo
   ::  Eclesiologia
   ::  Ensinamentos de Jesus Cristo
   ::  
Escrituras Sagradas
   ::  Filhos: Herança do Senhor
   ::  Heresias, o que é?
   ::  Humildade: Qualidade do servo
   ::  Idolatria - Adoração à imagens
   ::  Idolatria & Mariolatria
   ::  Igreja Católica e o Catecismo
   ::  Igreja: Ordenanças Básicas
   ::  Igreja: Visão Bíblica
   ::  Igreja: Visão Bíblica II
   ::  Inferno é Real!
   ::  
Jesus, Homem Fisicamente
   ::  Jovens do Senhor
   ::  Líder, segundo a Bíblia
   ::  
Louvor  I
   ::  
Louvor II
   ::  Louvor a Deus
   ::  Mariolatria: Adoração a Maria
   ::  Milagres e Sinais na Bíblia
   ::  Milagres relatados na Bíblia
   ::  Moralidade Sexual
   ::  Morte - Ensino Bíblico
   ::  Música - Ensino Bíblico
   :: 
Nomes e Títulos do Senhor Jesus
   ::  
Nomes Atribuídos aos Servos
   ::
 O Adversário
   ::  
O Espírito Santo
   ::  
O Pecado
   ::  Obras da Carne & Frutos do E.S.
   ::  Obras da Carne - Gálatas 5.19
   ::  Oração Eficaz
   ::  Paciência: Aspectos positivos
   ::  Papas: Pedro foi o Primeiro?
   ::  Pesos & Medidas
   ::  
Profecias Messiânica
   ::  
Profetas & profecias
   ::  
Profeta na Bíblia
   ::  Providência Divina
   ::  
Qualidades de um Líder
   ::  Ressurreição
   ::  Riqueza e Pobreza
   ::  
Sacerdote; Relato Bíblico
   :: 
Salvação: Você precisa agora!
   ::  Santa Ceia

   ::  Santa Ceia II
   ::  Santidade
   ::  
Satanás   I
   ::  
Satanás  II
   ::  
Satanás III
   ::  Satanás: origem, obra e destino
   ::  
Temer a Deus, Medo ? 
   ::  Temor ao Senhor
   ::  Urim e Tumim
   ::  Usos & Costumes
   ::  
Valor do Homem
   ::  
Volta de Cristo
 
 
 

 

 

 

Louvor Na Bíblia

Não há dúvida, cada servo do Senhor deve louvá-LO pessoalmente; afinal, a comunhão com o Pai é uma necessidade na vida dos escolhidos. É impossível, contemplarmos a obra do Senhor Jesus, o seu amor, a graça do Pai, sem darmos graças e louvores; e todos nós os filhos de Deus precisamos cultivar e praticar continuamente.
A seguir, uma relação de textos, que leva-nos a compreender a seriedade da prática deste sacrifício tão agradável ao Pai.

O Senhor é merecedor de todo Louvor:

a) "Invoco o SENHOR, digno de ser louvado..." 2Sm 22.4
b) "vós que temeis o SENHOR, louvai-o; glorificai-o, vós todos..." Sl 22.23
c) "O que me oferece sacrifício de ações de graças, esse me glorificará; e ao que prepara o seu caminho, dar-lhe-ei que veja a salvação de Deus" Sl 50.23
d) "proclamando em grande voz: Digno é o Cordeiro que foi morto de receber o poder, e riqueza, e sabedoria, e força, e honra, e glória, e louvor." Ap 5.12
e) "... Hosana! Bendito o que vem em nome do Senhor e que é Rei de Israel!" Jo 12.13
f) "Por meio de Jesus, pois, ofereçamos a Deus, sempre, sacrifício de louvor, que é o fruto de lábios que confessam o seu nome." Hb 13.15

Porque Louvar a Deus, vejas alguns motivos:

a)
Sua Majestade:  "Cantai ao SENHOR um cântico novo, cantai ao SENHOR, todas as terras... Glória e majestade estão diante dele, força e formosura, no seu santuário." Sl 96.1,6;             
b) Sua Glória: "cantarão os caminhos do SENHOR, pois grande é a glória do SENHOR"  Sl 138.5;
c) Sua Bondade:"Rendam graças ao SENHOR por sua bondade e por suas maravilhas para com os filhos dos homens!"  Sl 107.8                  
d) Seu Poder: "Exalta-te, SENHOR, na tua força! Nós cantaremos e louvaremos o teu poder."  Sl 21.13
e) Sua Sabedoria: "Seja bendito o nome de Deus, de eternidade a eternidade, porque dele é a sabedoria e o poder." Dn 2.20               
f) Sua Santidade: "Ó SENHOR, quem é como tu entre os deuses? Quem é como tu, glorificado em santidade, terrível em feitos gloriosos, que operas maravilhas?" Ex 15.11
g) Sua Grandeza: "porque grande é o SENHOR e mui digno de ser louvado, temível mais do que todos os deuses." 1Cr 16.25               
h) Sua Excelência: "Na grandeza da tua excelência, derribas os que se levantam contra ti; envias o teu furor, que os consome como restolho."
Ex 15.7
i) Sua Consolação: "Por que estás abatida, ó minha alma? Por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, a ele, meu auxílio e Deus meu." Sl 42.5                 
j) Suas Obras: "Pois quem nos céus é comparável ao SENHOR? Entre os seres celestiais, quem é semelhante ao SENHOR?" Sl 89.6; "Louvai-o pelos seus poderosos feitos; louvai-o consoante a sua muita grandeza." 150.2
k) Sua Salvação: "Bendito seja o Senhor, Deus de Israel, porque visitou e redimiu o seu povo, e nos suscitou plena e poderosa salvação na casa de Davi, seu servo." Lc 1.68;69               
l) Sua Fidelidade: "Ó SENHOR, tu és o meu Deus; exaltar-te-ei a ti e louvarei o teu nome, porque tens feito maravilhas e tens executado os teus conselhos antigos, fiéis e verdadeiros." Is 25.1
m) Sua Verdade: "Prostrar-me-ei para o teu santo templo e louvarei o teu nome, por causa da tua misericórdia e da tua verdade, pois magnificaste acima de tudo o teu nome e a tua palavra."  Sl 138.2                 
n) Seu Conselho: "Bendigo o SENHOR, que me aconselha; pois até durante a noite o meu coração me ensina." Sl 16.7
o) Suas Promessas: "Bendito seja o SENHOR, que deu repouso ao seu povo de Israel, segundo tudo o que prometera; nem uma só palavra falhou de todas as suas boas promessas, feitas por intermédio de Moisés, seu servo."
1Rs 8.56            
p) Seu Perdão: "Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e tudo o que há em mim bendiga ao seu santo nome. Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e não te esqueças de nem um só de seus benefícios. Ele é quem perdoa todas as tuas iniqüidades; quem sara todas as tuas enfermidades" Sl 103.1-3
q) Sua Preservação: "Em ti me tenho apoiado desde o meu nascimento; do ventre materno tu me tiraste, tu és motivo para os meus louvores constantemente. Para muitos sou como um portento, mas tu és o meu forte refúgio. Os meus lábios estão cheios do teu louvor e da tua glória continuamente." Sl 71.6-8             
r) Seu Livramento: "Esperei confiantemente pelo SENHOR; ele se inclinou para mim e me ouviu quando clamei por socorro. Tirou-me de um poço de perdição, de um tremedal de lama; colocou-me os pés sobre uma rocha e me firmou os passos. E me pôs nos lábios um novo cântico, um hino de louvor ao nosso Deus; muitos verão essas coisas, temerão e confiarão no SENHOR."
Sl 40.1-3
s) Sua Proteção: "O SENHOR é a minha força e o meu escudo; nele o meu coração confia, nele fui socorrido; por isso, o meu coração exulta, e com o meu cântico o louvarei." Sl 28.7                    
t) Suas Respostas: "Bendito seja o SENHOR, porque me ouviu as vozes súplices!" Sl 28.6
u) Sua Esperança: "Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua muita misericórdia, nos regenerou para uma viva esperança, mediante a ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, para uma herança incorruptível, sem mácula, imarcescível, reservada nos céus para vós outros" 1Pe 1.3-4              
v) Suas Bênçãos: "Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e não te esqueças de nem um só de seus benefícios." Sl 103.2

O Louvor é uma exigência do Senhor, a anjos, homens e criação:

a) Aos Anjos:
"Bendizei ao SENHOR, todos os seus anjos, valorosos em poder, que executais as suas ordens e lhe obedeceis à palavra."  Sl 103.20;
" Louvai-o, todos os seus anjos; louvai-o, todas as suas legiões celestes."
Sl 148.2                
b) Aos Santos: "Salmodiai ao SENHOR, vós que sois seus santos, e dai graças ao seu santo nome." Sl 30.4
c) Aos Jovens: "Aleluia! Louvai ao SENHOR do alto dos céus, louvai-o nas alturas... rapazes e donzelas, velhos e crianças." Sl 148.1,12                     
d) Aos Velhos: "Aleluia! Louvai ao SENHOR do alto dos céus, louvai-o nas alturas... rapazes e donzelas, velhos e crianças." Sl 148.1,12
e) A Criação: "Aleluia! Louvai ao SENHOR do alto dos céus, louvai-o nas alturas. Louvai-o, todos os seus anjos; louvai-o, todas as suas legiões celestes. Louvai-o, sol e lua; louvai-o, todas as estrelas luzentes. Louvai-o, céus dos céus e as águas que estão acima do firmamento. Louvem o nome do SENHOR, pois mandou ele, e foram criados. E os estabeleceu para todo o sempre; fixou-lhes uma ordem que não passará. Louvai ao SENHOR da terra, monstros marinhos e abismos todos; fogo e saraiva, neve e vapor e ventos procelosos que lhe executam a palavra; montes e todos os outeiros, árvores frutíferas e todos os cedros; feras e gados, répteis e voláteis." 
Sl 148.1-10                         
f) Aos Homens: "Rendam graças ao SENHOR por sua bondade e por suas maravilhas para com os filhos dos homens!" Sl 107.8
g) A Todos: "Aleluia! Louvai ao SENHOR do alto dos céus, louvai-o nas alturas. Louvai-o, todos os seus anjos; louvai-o, todas as suas legiões celestes. Louvai-o, sol e lua; louvai-o, todas as estrelas luzentes. Louvai-o, céus dos céus e as águas que estão acima do firmamento. Louvem o nome do SENHOR, pois mandou ele, e foram criados. E os estabeleceu para todo o sempre; fixou-lhes uma ordem que não passará. Louvai ao SENHOR da terra, monstros marinhos e abismos todos; fogo e saraiva, neve e vapor e ventos procelosos que lhe executam a palavra; montes e todos os outeiros, árvores frutíferas e todos os cedros; feras e gados, répteis e voláteis.  reis da terra e todos os povos, príncipes e todos os juízes da terra; rapazes e donzelas, velhos e crianças. Louvem o nome do SENHOR, porque só o seu nome é excelso; a sua majestade é acima da terra e do céu. Ele exalta o poder do seu povo, o louvor de todos os seus santos, dos filhos de Israel, povo que lhe é chegado. Aleluia!" Sl 148
"Saiu uma voz do trono, exclamando: Dai louvores ao nosso Deus, todos os seus servos, os que o temeis, os pequenos e os grandes." Ap 19.5

Deve-se oferecer com:

a) a Alma:
"Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e tudo o que há em mim bendiga ao seu santo nome. Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e não te esqueças de nem um só de seus benefícios." Sl 103.1,2                              
b) o coração: "Louvar-te-ei, SENHOR, de todo o meu coração; contarei todas as tuas maravilhas." Sl 9.1;
"Aleluia! De todo o coração renderei graças ao SENHOR, na companhia dos justos e na assembléia." Sl 111.1
c) os lábios: "Porque a tua graça é melhor do que a vida; os meus lábios te louvam." Sl 63.3                              
d) a boca: "Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca manifestará os teus louvores." Sl 51.15
"Como de banha e de gordura farta-se a minha alma; e, com júbilo nos lábios, a minha boca te louva" Sl 63.5
e) alegria: "Como de banha e de gordura farta-se a minha alma; e, com júbilo nos lábios, a minha boca te louva" Sl 63.5;
"Celebrai com júbilo ao SENHOR, todos os confins da terra; aclamai, regozijai-vos e cantai louvores." Sl 98.4                          
f) regozijo: "Então, o rei Ezequias e os príncipes ordenaram aos levitas que louvassem o SENHOR com as palavras de Davi e de Asafe, o vidente. Eles o fizeram com alegria, e se inclinaram, e adoraram." 2Cr 29.30
g) graças: "Designou dentre os levitas os que haviam de ministrar diante da arca do SENHOR, e celebrar, e louvar, e exaltar o SENHOR, Deus de Israel, a saber." 1Cr 16.4                               
h) continuidade: "E a minha língua celebrará a tua justiça e o teu louvor todo o dia." Sl 35.28
i) a vida: "Cantarei ao SENHOR enquanto eu viver; cantarei louvores ao meu Deus durante a minha vida." Sl 104.33                                 
j) dia e noite: "E os quatro seres viventes, tendo cada um deles, respectivamente, seis asas, estão cheios de olhos, ao redor e por dentro; não têm descanso, nem de dia nem de noite, proclamando: Santo, Santo, Santo é o Senhor Deus, o Todo-Poderoso, aquele que era, que é e que há de vir."
Ap 4.8
k) dia-a-dia: "Bendito seja o Senhor que, dia a dia, leva o nosso fardo! Deus é a nossa salvação." Sl 68.19                            
l) sempre: "Grande é o SENHOR e mui digno de ser louvado; a sua grandeza é insondável." Sl 145.3
m) hinos e salmos: "Cantai-lhe, cantai-lhe salmos; narrai todas as suas maravilhas." Sl 105.2;
"falando entre vós com salmos, entoando e louvando de coração ao Senhor com hinos e cânticos espirituais, dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo," Ef 5.19;
"Habite, ricamente, em vós a palavra de Cristo; instruí-vos e aconselhai-vos mutuamente em toda a sabedoria, louvando a Deus, com salmos, e hinos, e cânticos espirituais, com gratidão, em vosso coração." Cl 3.16

Os Servos devem:

a) Mostrá-lo:
"...povo que formei para mim, para celebrar o meu louvor."
Is 43.21;
"Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz." 1Pe 2.9
b) Ser revestidos: "e a pôr sobre os que em Sião estão de luto uma coroa em vez de cinzas, óleo de alegria, em vez de pranto, veste de louvor, em vez de espírito angustiado; a fim de que se chamem carvalhos de justiça, plantados pelo SENHOR para a sua glória." Is 61.3
c) Rendê-lo em todas as situações: " Por volta da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam louvores a Deus, e os demais companheiros de prisão escutavam." At 16.25
d) Gloriar-se: "E dizei: Salva-nos, ó Deus da nossa salvação, ajunta-nos e livra-nos das nações, para que rendamos graças ao teu santo nome e nos gloriemos no teu louvor." 1Cr 16.35
e) Triunfar: "Salva-nos, SENHOR, nosso Deus, e congrega-nos de entre as nações, para que demos graças ao teu santo nome e nos gloriemos no teu louvor." Sl 106.47
f) Expressar a alegria: "Está alguém entre vós sofrendo? Faça oração. Está alguém alegre? Cante louvores."Tg 5.13
g) Declará-lo: "dêem honra ao SENHOR e anunciem a sua glória nas terras do mar." Is 42.12
h) Chamar outros para louvarem: "Engrandecei o SENHOR comigo, e todos, à uma, lhe exaltemos o nome." Sl 34.3;
"Vinde, cantemos ao SENHOR, com júbilo, celebremos o Rochedo da nossa salvação." Sl 95.1

Louvaram ao Senhor:

a) Melquisedeque: "Melquisedeque, rei de Salém... e bendito seja o Deus Altíssimo, que entregou os teus adversários nas tuas mãos. E de tudo lhe deu Abrão o dízimo." Gn 14.18,20
b) Moisés: "Então, entoou Moisés e os filhos de Israel este cântico ao SENHOR, e disseram: Cantarei ao SENHOR, porque triunfou gloriosamente; lançou no mar o cavalo e o seu cavaleiro.O SENHOR é a minha força e o meu cântico; ele me foi por salvação; este é o meu Deus; portanto, eu o louvarei; ele é o Deus de meu pai; por isso, o exaltarei. O SENHOR é homem de guerra; SENHOR é o seu nome. Lançou no mar os carros de Faraó e o seu exército; e os seus capitães afogaram-se no mar Vermelho. Os vagalhões os cobriram; desceram às profundezas como pedra. A tua destra, ó SENHOR, é gloriosa em poder; a tua destra, ó SENHOR, despedaça o inimigo. Na grandeza da tua excelência, derribas os que se levantam contra ti; envias o teu furor, que os consome como restolho. Com o resfolgar das tuas narinas, amontoaram-se as águas, as correntes pararam em montão; os vagalhões coalharam-se no coração do mar. O inimigo dizia: Perseguirei, alcançarei, repartirei os despojos; a minha alma se fartará deles, arrancarei a minha espada, e a minha mão os destruirá. Sopraste com o teu vento, e o mar os cobriu; afundaram-se como chumbo em águas impetuosas. Ó SENHOR, quem é como tu entre os deuses? Quem é como tu, glorificado em santidade, terrível em feitos gloriosos, que operas maravilhas? Estendeste a destra; e a terra os tragou. Com a tua beneficência guiaste o povo que salvaste; com a tua força o levaste à habitação da tua santidade. Os povos o ouviram, eles estremeceram; agonias apoderaram-se dos habitantes da Filístia. Ora, os príncipes de Edom se perturbam, dos poderosos de Moabe se apodera temor, esmorecem todos os habitantes de Canaã. Sobre eles cai espanto e pavor; pela grandeza do teu braço, emudecem como pedra; até que passe o teu povo, ó SENHOR, até que passe o povo que adquiriste. Tu o introduzirás e o plantarás no monte da tua herança, no lugar que aparelhaste, ó SENHOR, para a tua habitação, no santuário, ó Senhor, que as tuas mãos estabeleceram. O SENHOR reinará por todo o sempre. Porque os cavalos de Faraó, com os seus carros e com os seus cavalarianos, entraram no mar, e o SENHOR fez tornar sobre eles as águas do mar; mas os filhos de Israel passaram a pé enxuto pelo meio do mar." Ex 15
c) Jetro: "Alegrou-se Jetro de todo o bem que o SENHOR fizera a Israel, livrando-o da mão dos egípcios, e disse: Bendito seja o SENHOR, que vos livrou da mão dos egípcios e da mão de Faraó;" Ex 18.9,10
d) Os Israelitas: " Bendito seja o SENHOR, Deus de Israel, desde a eternidade até a eternidade. E todo o povo disse: Amém! E louvou ao SENHOR." 1Cr 16.36
e) Davi: "Pelo que Davi louvou ao SENHOR perante a congregação toda e disse: Bendito és tu, SENHOR, Deus de Israel, nosso pai, de eternidade em eternidade"1Cr 29.10;
"Sete vezes no dia, eu te louvo pela justiça dos teus juízos." Sl 119.164
f) Sacerdotes e Levitas: "Quando os edificadores lançaram os alicerces do templo do SENHOR, apresentaram-se os sacerdotes, paramentados e com trombetas, e os levitas, filhos de Asafe, com címbalos, para louvarem o SENHOR, segundo as determinações de Davi, rei de Israel. Cantavam alternadamente, louvando e rendendo graças ao SENHOR, com estas palavras: Ele é bom, porque a sua misericórdia dura para sempre sobre Israel. E todo o povo jubilou com altas vozes, louvando ao SENHOR por se terem lançado os alicerces da sua casa." Ed 3.10,11
g) Esdras: " Esdras bendisse ao SENHOR, o grande Deus; e todo o povo respondeu: Amém! Amém! E, levantando as mãos; inclinaram-se e adoraram o SENHOR, com o rosto em terra." Ne 8.6
h) Ezequias: "Os vivos, somente os vivos, esses te louvam como hoje eu o faço; o pai fará notória aos filhos a tua fidelidade" Is 38.19
i) Zacarias: "Imediatamente, a boca se lhe abriu, e, desimpedida a língua, falava louvando a Deus." Lc 1.64
j) Pastores: "Voltaram, então, os pastores glorificando e louvando a Deus por tudo o que tinham ouvido e visto, como lhes fora anunciado." Lc 2.20
k) Simeão: "Simeão o tomou nos braços e louvou a Deus." Lc 2.28
l) Ana: " Então, orou Ana e disse: O meu coração se regozija no SENHOR, a minha força está exaltada no SENHOR; a minha boca se ri dos meus inimigos, porquanto me alegro na tua salvação." 1Sm 2.1
m) Multidões: "Imediatamente, tornou a ver e seguia-o glorificando a Deus. Também todo o povo, vendo isto, dava louvores a Deus" Lc 18.43
n) Discípulos: "E, quando se aproximava da descida do monte das Oliveiras, toda a multidão dos discípulos passou, jubilosa, a louvar a Deus em alta voz, por todos os milagres que tinham visto, dizendo: Bendito é o Rei que vem em nome do Senhor! Paz no céu e glória nas maiores alturas!" Lc 19.37,38
o) Apóstolos: "Então, eles, adorando-o, voltaram para Jerusalém, tomados de grande júbilo; e estavam sempre no templo, louvando a Deus." Lc 24.52,53
p) Convertidos: "Diariamente perseveravam unânimes no templo, partiam pão de casa em casa e tomavam as suas refeições com alegria e singeleza de coração, louvando a Deus e contando com a simpatia de todo o povo. Enquanto isso, acrescentava-lhes o Senhor, dia a dia, os que iam sendo salvos." At 2.46,47
q) Aleijado: "E, tomando-o pela mão direita, o levantou; imediatamente, os seus pés e tornozelos se firmaram; de um salto se pôs em pé, passou a andar e entrou com eles no templo, saltando e louvando a Deus. Viu-o todo o povo a andar e a louvar a Deus." At 3.7-9
r) Paulo: "Por volta da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam louvores a Deus, e os demais companheiros de prisão escutavam." At 16.25
s) Silas: "Por volta da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam louvores a Deus, e os demais companheiros de prisão escutavam." At 16.25

A Bíblia apresenta situações nas quais o louvor é:
Ensinado;
Exigido e
Mostrado.

Como servos, que desejam comunhão perfeita com o Pai, é dever lermos e meditarmos nos textos citados, seremos assim aprimorados na prática do louvor.

Amém!

Elias R. de Oliveira


 
       
         
     

 
     
  Busca Vivos!
Pesquise dentro do site Vivos!
 
 
       
         
       
       
       
       

  Brasil Espírito Santo   "Os vivos, somente os vivos, esses Te louvam como hoje eu o faço"  Is 38.19  

         
 
     
 
     
     

Translate / Traducir